Parcialidade de jornalista da Folha fica evidente em entrevista que Danilo Gentili cedeu à Folha de São Paulo.

Jornalista “militante” elabora entrevista tendenciosa, não fala sobre o filme, ironiza a ausência de artistas representantes da direita e perde o emprego.

Publicado dia 16/10/2017 às: 04h45 por Franklin Couto

Brasil– Em trabalho de divulgação de seu mais recente filme que foi inspirado em seu livro “ Como se tornar o pior aluno da escola”, o comediante e apresentador Danilo Gentili foi alvo de um jornalista com fortes tendências esquerdistas. Como eu sei disso? Vi nas redes a repercussão do caso e não me julguei apto a opinar sem antes assistir a entrevista que deixou claro que, durante pouco mais de oito minutos o comediante e o diretor do filme ( Fabricio Bittar ) foram sabatinados com perguntas de cunho político e ideológico, enquanto o filme – que era o assunto principal da conversa – foi deixado de lado ou usado para introduzir perguntas polêmicas e fora de contexto.

Fabricio Bittar ( diretor ) teve mais paciência. Já Danilo, ao perceber as reais intenções do jornalista, disparou respostas diluídas em humor e sem muito “arrudeios”. Clique no link ao lado para assistir a entrevista ( clique aqui )

Para críticas e sugestões, entre em contato através do e-mail: contato@blogdofranklin.com.br ou através das redes sociais abaixo.

TWITTER FACEBOOK INSTAGRAM GOOGLE+ 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s